O estilo e a beleza de 16 modelos negras para seguir no Instagram

Vamos começar a semana com muita beleza? Simbora! Nada mais importante do que representatividade, nénon? Têm muitas modelos negras divando por esse mundão, mas a gente tá ligada que ainda rola falta muita oportunidade, preconceitos e muitos estereótipos na indústria da moda. Então, aproveitando a vibe dessa última semana que tivemos um fato inédito: três mulheres negras indicadas ao Oscar para melhor atriz, aqui vão 16 mulheres maravilhosas para você começar a acompanhar!

#1 Mahany Pery

Mahany é Brasileira, de São Gonçalo, e com seus 18 aninhos já foi eleita uma das modelos mais promissores do país pela Vogue americana. Ela foi escolhida para ser “rosto” oficial  da marca internacional Maybelline no Brasil. Mas ninguém segura ela por ai, ela já disputada também para marcas como Animale, Farm, Osklen, Blueman além de ter desfilado no último São Paulo Fashion Week. O rostinho dessa musa já estampou muitas capas de revista, sendo a de maior repercussão a da ‘Elle’ que trazia o título: “Meu corpo, minhas regras”. São muitos tabus quebrados pra uma pessoa!

#2 Philomena Kwao

Linda, negra, plus size, humanitária, ativista e ainda e escritora! Quer mais lacração que isso? Philomena nasceu em Londres, mora em Nova Iorque e vem se estabelecendo como um dos maiores nomes da moda “Plus Size”. Apesar de já ter estrelado algumas campanhas, ainda há um longo caminho pela frente. Ela luta pela inclusão de modelos fora do padrão estabelecido pelas industrias da moda e de cosméticos.

3# Karrueche

Atriz, modelo e apresentadora, Karrueche – que é linda até o último fio de cabelo – esbanja estilo em suas fotos. Ele já esteve em capas das revistas Rolling Out, Flaunt Magazine, Ouch Magazine, The Hundreds, Cliche Magazine, Bleu Magazine e Annex Magazine e ainda esteve em duas matérias na Elle.

p.s: vale a pena entrar no perfil dela só pra curtir a foto dela com uma blusa contra o Trump 😉

Jamaica #NYE @fictionjamaica

A post shared by karrueche (@karrueche) on

4# Aisha Mbikila

Sinceramente, é tanta beleza que foi díficil escolher somente uma foto desta aqui. Aisha é Brasileira, dj, modelo e anda causando por onde passa. Moradora do Rio de Janeiro, ela já espalhou sua beleza por campanhas de diversas marcas e recentemente saiu em uma matéria na Elle Magazine. Vale seguir para acompanhar as fotos maravilhosas de Aisha!

5# Aleali May

Aleali é consultora de imagem, modelo e blogueira de moda. Formanda em Marketing de Negócios pela Universidade de Columbia em Chicago, ela já participou de criações para marcas como Louis Vitton, Nike, Adidas entre outras. Siga a moça no instagram para inspirações de estilo!

alealimay.com

Uma publicação compartilhada por Aleali (uh•lay•lee) (@alealimay) em

6# Lais Ribeiro

Lais – minha xará – é uma das mais renomadas top models Brasileiras. A nordestina faz parte do seleto grupo de meninas escolhidas como Angels da Victoria Secrets. Ela já esteve presente em campanhas de marcas como Dolce Gabanna, Chanel, H&M, Vogue, Louis Vuitton e Gucci.

Vogue Brazil 🇧🇷 February issue 😍

Uma publicação compartilhada por Lais Ribeiro (@laisribeiro) em

7#Jourdan Dunn

Ultra sucesso no mundo da moda, a britânica Jourdan Dunn, há tempos já se consagrou como uma super model. Jourdan foi capa da revista Vogue britânica depois de 12 > DOZE < anos sem publicar uma capa com uma modelo negra.

Curiosidades: Dunn é best friend de Cara Delevigne e as duas tem uma tatuagem juntas.

8# Winnie Harlow

Winnie Harlow, ou Chantelle Brown Young – seu nome de batismo, é modelo e ativista canadense contra o preconceito a pessoas com vitiligo.  Porta-voz da causa, ela atingiu a fama pelo programa American Next Top Model. Winnie sofreu muito preconceito, principalmente quando mais nova e foi aconselhada diversas vezes a esquecer a ambição de ser modelo. Winnie dá um show de resistência, coragem e inspira muitas a não desistirem dos seus sonhos.

9# Widny Bazile

Widny é uma modelo negra do Haiti de 20 anos. Começou na carreira de modelo para poder se expressar através das fotos, já que ela chegou nos Estados Unidos – onde mora atualmente – sem saber falar uma palavra em inglês.

THANK YOU SO MUCH @vogueitalia this is a dream come true!!!! ✨🌹 📷: @exquisite_eye ❤️

Uma publicação compartilhada por Widny E Bazile (@widnybazile) em

10# Jordyn Woods

Melhor amiga inseparável de Kylie Jenner, a modelo Jordyn Woods, é puro sucesso no mundo de modelos “Plus Size”. A gata é bem influente no Instagram e conta com mais de 2 milhões e meio de seguidores!

11# Deise Nicolau

Deise foi uma das eleitas para capa da revista Elle Brasil na campanha #VocêNaCapa, o que a lançou como modelo no mercado brasileiro. Ela confessa que ser modelo sempre foi um sonho mas nunca acreditou que poderia ser realidade.

#💕 #🌵 #💚 W/ @anndrrelima

Uma publicação compartilhada por Deise Nicolau (@deise_nicolau) em

12# Grace Bol

Nascida no Sudão, na África, Grace Bol e sua família encontraram exílio nos Estados Unidos, fugindo da guerra civil que atingia o país. Grace começou desfilando e rapidamente conquistou o seu espaço, já tendo estrelado em campanhas de marcas como Givenchy e Marc Jobs. Ela agradece ao seu sucesso às modelos Liya Kebede, Alek Wek e Iman que abriram o espaço para novatas do Sudão como ela.

@intothegloss

A post shared by Grace Bol (@gracebol) on

13# Mariane Calazan

Mais uma Brasileira linda já consolidando sua carreira na moda nacional. Mariane Calazan natural de Minas Gerais, começou como modelo aos 20 anos. Hoje aos 24 anos, Mariana prospecta carreira internacional.

14# Nikhor Paul Nyakueinyang

É uma modelo africana do Sudão, conhecida também por ser ativista pela diversidade na moda. Em 2015, a modelo fez um desabafo em seu Instagram voltando a atenção da mídia de novo para o fato de não ter maquiagem especifica para a pele negra dos backstages dos desfiles e ela ter que levar a sua própria. A partir desta carta aberta, ela se lançou ainda mais na luta contra o racismo.

Leia a carta:

Queridas pessoas brancas do mundo da moda!
Por favor, não levem a mal, mas é hora de vocês se mancarem quando o assunto é a nossa cútis! Por que tenho que trazer minha própria maquiagem pra um desfile profissional quando todas as outras garotas brancas não precisam fazer nada além de aparecer, que porra é essa? Não tente fazer eu me sentir mal porque sou preta retinta, é 2015, vá pra M.A.C, Bobbi Brown, Make Up For Ever, Iman Cosmetics, Black Opal, até Lancôme e Clinique trazem [produtos indicados], e mais tantas outras. Existem tantas opções por aí pra tons de pele escuros hoje. Um bom maquiador deveria se preparar e fazer sua pesquisa antes de ir ao trabalho porque muitas vezes você sabe o que esperar, especialmente num desfile! Parem com desculpas, é insultante e desrespeitoso comigo e com minha raça, isso não ajuda, sério! Façam um esforço, ao menos! Isso vale pra NY, Londres, Milão, Paris e Cidade do Cabo mais todos os lugares que tem questões com tons de pele pretos. Só porque você somente bookou poucas de nós não significa que você tem o direito de nos fazer parecer umas rameiras. Estou cansada de reclamar sobre não ser bookada por ser uma modelo negra e estou definitivamente cansadíssima por me desculpar pela minha negritude!!!! Moda é arte, arte nunca é racista, deveria ser inclusiva pra todos, não somente pra brancos, porra, nós começamos moda na África e vocês modernizam e copiam! Por que não podemos ser parte da moda total e igualmente?

15# Anita Marshal

Essa lindeza aqui em baixo se chama Anita Marshal e tem 25 anos. Modelo nascida em Boston, é conhecida por amar as suas curvas, ela também defende que saudável não é igual a ser magro e que todo mundo pode usar a roupa que se sentir feliz. Ela particularmente é apaixonada pelos croppeds!

Sunshine ✨

Uma publicação compartilhada por Anita Marshall (@anitamarshall_) em

16# Khoudi Diop

Dona do apelido “deusa da melanina”, ela começou a modelar há dois anos – quando tinha 17 anos. Khoudia é Senegalesa, seu tom de pele e considerado raro, mas ela mesmo relata que no seu país não é tão diferente assim.

“Bullies me chamavam de tudo quanto é nome, pensando que eu me sentiria mal pelo o tom da minha pele, mas, quer saber? Amo todos os haters e mostrei o quanto não me importo com o que eles pensam”.

# Bônus!!

The colored girl é uma agência criativa de modelos negras (e negros). A agência luta pela diversidade nas campanhas de moda e mostra que a beleza negra é diversa e não algo estereotipado. Vale a pena seguir e conhecer cada uma dessas modelos maravilhosas!

Eai gostou desse post? Então deixe a sua curtida e escreva pra gente o que achou 😉

1 comentário Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s